Notícias

Semana Nacional da Execução Trabalhista 2022: abertura e resultados do primeiro dia

Abertura da Semana Nacional de Execução Trabalhista
 

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) e o Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) abriram oficialmente, na manhã desta segunda-feira (19), a 12ª edição da Semana Nacional da Execução Trabalhista 2022. Na cerimônia virtual de abertura, o presidente do TST e do CSJT, ministro Emmanoel Pereira, lembrou que a execução é a solução definitiva do processo trabalhista, “que torna palpável a condenação”.

Em Mato Grosso do Sul, no primeiro dia de Semana Nacional de Execução, foram realizadas cerca de 200 audiências, que resultaram em 74 conciliações, mais de 300 alvarás de liberação e um valor aproximado de R$ 2,5 milhões em acordos.

Além disso, o Centro de Execução e Pesquisa Patrimonial do TRT24 já liberou mais de R$32 milhões entre bloqueios judiciais e constrição de bens para pagamentos de processos em fase de execução e a expectativa é que esse número aumente até o final da semana.

Em 2021, durante a Semana Nacional de Execução Trabalhista, foram movimentados mais de R$ 67 milhões pela Justiça do Trabalho de Mato Grosso do Sul entre acordos homologados, bloqueios Bacenjud/Sisbajud, lelilões, alvarás, precatórios, créditos e ativos financeiros bloqueados durante a campanha. O TRT/MS figurou, pelo quarto ano consecutivo, em 1º lugar entre os tribunais do Trabalho de pequeno porte durante a Semana Nacional.


Vitória da cidadania

Durante a abertura oficial da Semana Nacional de Execução Trabalhista, o coordenador geral da Comissão Nacional de Efetividade da Execução Trabalhista (Cneet), ministro Cláudio Brandão, afirmou que o evento é uma oportunidade única para a sensibilização das partes e, também de magistradas, magistrados, servidoras e servidores para a prioridade a ser atribuída aos processos na fase de execução. Ele apontou a “feliz coincidência” de vincular as ações à paixão pelo futebol. “Desejo que, ao final, tenhamos uma vitória não de partes vitoriosas ou perdedoras, mas a vitória da cidadania”, resumiu.


Ainda de acordo com o coordenador da Cneet, essa edição traz uma novidade: a premiação das três melhores Varas do Trabalho de cada Região, como forma de reconhecimento ao trabalho de todas as pessoas que atuam no juízo de primeiro grau. “Essa é uma iniciativa que busca valorizar um trabalho muitas vezes anônimo e sem reconhecimento institucional, mas que faz, sem dúvida, a grandeza dessa instituição”.

Executômetro

Promovida anualmente pelo CSJT, em parceria com o TST e os 24 Tribunais Regionais do Trabalho, a 12ª Semana Nacional da Execução Trabalhista vai até sexta-feira (23).

Você pode acompanhar, em tempo real, a contabilização dos valores envolvidos nos processos solucionados por meio do Executômetro, disponível nos portais do Tribunal Superior do Trabalho e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho.

Para saber mais, acesse o portal da Execução Trabalhista da Justiça do Trabalho.


Como participar da Semana Nacional ? 

Em Mato Grosso do Sul, trabalhadores ou empresas que são partes em processos trabalhistas podem participar por meio de inscrição pelo e-mail caec@trt24.jus.br.

Se você tem um processo em fase de execução, não deixe de participar. Converse com sua advogada ou advogado!