Instalação do Fórum Trabalhista Senador Ramez Tebet - Campo Grande

Instalação do Fórum Trabalhista Senador Ramez Tebet - Campo Grande

Letra A maiúsculainstalação do Fórum Trabalhista de Campo Grande, inaugurado em 1º de maio de 2004, resultou de uma parceria do TRT da 24ª Região com o Banco do Brasil. Localizado na região central de Campo Grande, à Rua João Pedro de Souza, 1.025, Jardim Monte Líbano, reunindo as cinco Varas do Trabalho existentes na Capital à época, que lograram maior comodidade para o seu funcionamento com a viabilização do projeto.

ntretanto, desde que foi instalado o Fórum, ocorreu um aumento de 81% dos processos recebidos pelas Varas do Trabalho da Capital. Nesse período, a população da cidade cresceu 23%. O edifício não comportava as dependências das 6ª e 7ª Varas do Trabalho, instaladas em 19 de dezembro de 2005, que funcionavam em prédios anexos. Em fevereiro de 2007, o Fórum Trabalhista de Campo Grande passou a ser denominado "Fórum Trabalhista Senador Ramez Tebet", em homenagem póstuma realizada pelo TRT da 24ª Região.

 presidente do TRT, desembargador Amaury Rodrigues Pinto Júnior, disse que a homenagem decorreu da proximidade que o senador teve com o Judiciário, uma vez que foi advogado e promotor. "Como senador da República, Ramez Tebet sempre esteve de portas abertas para o Judiciário e em diversas oportunidades nos atendeu. Essa homenagem é mais do que merecida. É uma gratidão por aquilo que recebemos durante sua vida", disse o desembargador.

m 18 de novembro de 2016 foi inaugurada a nova sede do Fórum Trabalhista Senador Ramez Tebet, localizada à Rua Jornalista Belizário Lima, 418, no prédio que anteriormente abrigou a sede do Tribunal que, transferida para o novo edifício localizado no Jardim Veraneio. O antigo prédio foi totalmente reformado, e passou a acomodar as 7 Varas do Trabalho da Capital, distribuídas entre o 3º e 7º andar.

m seu discurso, na solenidade de inauguração, o Presidente do TRT da 24ª Região, Desembargador Nery Sá e Silva de Azambuja, destacou "Nós precisávamos de um ambiente que adequasse esse crescimento da população de Campo Grande e o aumento do número de processos recebidos na cidade", explicando que o prédio foi reformado para abrigar até três novas varas, já pensando no aumento da demanda nos próximos anos. Também ressaltou que a nova sede vai trazer mais qualidade de vida para os servidores e elogiou o trabalho da equipe técnica que conduziu a obra. "Sonho que se sonha junto é realidade. E construímos uma realidade para os jurisdicionados, para a advocacia e para os nossos servidores. Esperamos atender melhor o jurisdicionado e que os juízes e servidores estejam mais motivados em condições físicas de trabalho melhor".